A apreensão do material e a abordagem ao suspeito aconteceram em Pimenta Bueno (RO), através da Base Roosevelt, da Polícia Federal de Rondônia, especializada em crimes ligados à extração de diamantes.

O homem estava com a quantia, em espécie, de R$ 50.870,00, além de pedras que apresentavam características de cassiterita e bórax. Aos agentes federais, ele reconheceu que esteve em Espigão do Oeste, cidade de Rondônia famosa por exploração de minério e pela degradação do meio ambiente, além de conflitos envolvendo madeireiros.

Segundo ele, na cidade, uma pessoa desconhecida o ofereceu diamantes, mas preferiu por não efetivar a compra.

Sobre o dinheiro, alegou que apenas pretendia gastá-lo durante a viagem. Mesmo assim, foi encaminhado para a Delegacia, ponto onde começam as investigações. (A.I)

Diario da Amazônia